Minha Casa Minha Vida atinge famílias com renda até R$ 9 mil

Apto Vila Matilde

O sonho da casa própria nunca esteve tão perto e no momento em que a economia mostra sinais de recuperação, o presidente Michel Temer anunciou na tarde desta segunda-feira novas medidas para o Minha Casa Minha Vida que visam o crescimento do setor.

A partir de agora, as famílias com renda mensal de até R$ 9 mil se enquadram no programa habitacional do governo. Antes dessa mudança, na faixa 3, o limite de renda para uma família se enquadrar no Minha Casa Minha Vida era de R$ 6,5 mil por mês.

O governo também ampliou o valor do imóvel para que possam ser comprados no programa. O preço que antes era de R$ 225 mil passa R$ 240 mil em São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal. Nas capitais do Norte e Nordeste passa de R$ 170 mil para R$ 180 mil.

Todas as faixas do programa sofreram alteração. Confira como ficou:

* Faixa 1: renda familiar máxima continua em R$ 1.800;
* Faixa 1,5: renda familiar máxima passa de R$ 2.350 para R$ 2.600;
* Faixa 2: renda familiar máxima passa de R$ 3.600 para R$ 4.000;
* Faixa 3: renda familiar máxima passa de R$ 6.500 para R$ 9.000.

A medida visa estimular a construção civil, gerar empregos e ampliar o número de famílias com moradias. A expectativa é que a nova fase contrate 600 mil imóveis ainda este ano.

Fonte:
SP Imóvel | http://www.spimovel.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s